Seleção Brasileira vai disputar medalha de bronze na II Copa do Mundo de Futebol Unificado

A final acontece no sábado, entre as seleções do Paraguai e Jamaica

Esporte
Por ASCOM
5 de agosto de 2022 - 12h50

A seleção Brasileira das Olimpíadas Especiais Brasil, que é formada por atletas do Paraesporte de Campos, em parceria com o Clube Americano, vai enfrentar nesta sexta-feira (5) a seleção do Marrocos , em busca da medalha de bronze. Os jogadores brasileiros empataram com Marrocos em 2×2 na primeira fase da competição.

Os atletas brasileiros jogaram nesta quinta-feira (4) pela semifinal a forte Seleção do Paraguai. O jogo terminou em 0 x O, levando para a cobrança de pênaltis. O Brasil marcou 5 gols e os Paraguaio 6. No sábado, Paraguai e Jamaica jogam pela medalha de ouro.

De acordo com o técnico e coordenador do Paraesporte, Fábio Coboski, os atletas foram guerreiros durante toda a II Copa do Mundo de Futebol Unificado. ” O mais importante deste evento organizado pela Special Olympics não é só trazer medalhas, mas a oportunidade de vida que estomos promovendo para esses 16 atletas, que saíram do interior do Rio de Janeiro e estão aqui em Detroit, EUA, representando nosso país com muito respeito e garra” comentou Coboski.

O técnico disse ainda que ainda poderemos conquist a medalha de bronze que muito nos orgulha. Mas tenho certeza que este evento mudou a vida de cada atleta, deixando um legado de superação, servindo de inspiração para as pessoas com deficiência, que podem ter suas vidas transformadas positivamente pelo esporte, finalizou Coboski.