Policlínica da Terceira Idade passa a oferecer exames oftalmológicos pré-operatórios em Campos

Chegada de quatro novos equipamentos permitiu a ampliação das especialidades oferecidas

Saúde
Por ASCOM
28 de abril de 2022 - 9h54
(Foto: César Ferreira/Prefeitura de Campos dos Goytacazes)

A Policlínica da Terceira Idade, no Parque Tamandaré, em Campos, passa a oferecer atendimento de oftalmologia com a chegada de quatro novos equipamentos: campimetria visual computadorizada, ecobiômetro, tonômetro pneumático e paquímetro. Por meio deles, os pacientes, com indicação para a cirurgia, realizam todos os exames oftalmológicos na Policlínica e já saem com indicação para exames de sangue, eletrocardiograma e risco cirúrgico.

Prestes a completar oito meses de funcionamento, a Policlínica está instalada no Clube da Terceira Idade. Ambos os equipamentos estão ligados à subsecretaria municipal da Promoção e Defesa da Pessoa Idosa. Acompanharam a instalação dos novos equipamentos a subsecretária da pasta, Rosilani Tavares, e a médica oftalmologista e cirurgiã, Helen Espírito Santo, diretora do Serviço de Atenção Domiciliar (SAD).

“Que conquista maravilhosa! Passamos o feriado com a Dra. Helen montando os novos equipamentos oftalmológicos. Agora, os nossos idosos poderão fazer exames de vista e já receber o resultado. Os equipamentos são de última geração, o que proporciona maior precisão nos exames. Agradecemos ao prefeito Wladimir Garotinho pelo trabalho e cuidado com os idosos da nossa cidade”, disse Rosilani.

Segundo a médica, a campimetria visual computadorizada é utilizada para pacientes que têm alterações de pressão intraocular (glaucoma ou predisposição a esta patologia) e no fundo do olho, que podem levar a comprometimento do campo visual como, por exemplo, a escavação de PAPILA pupila, um dos sinais de glaucoma.

Ela ressalta, ainda, que o ecobiômetro faz a medida da lente intraocular em pacientes que vão ser operados de catarata e mede o tamanho do globo ocular, podendo ser necessário na avaliação de outras patologias. “Outro aparelho é o tonômetro pneumático, que faz a medida da pressão intraocular sem contato e, também, a medida de espessura da córnea, que interfere no glaucoma; paquímetro, que mede com precisão a espessura da córnea, importante em avaliações cirúrgicas de catarata, refrativas e no próprio acompanhamento do glaucoma”, destaca a diretora do SAD.

“Os pacientes avaliados na Policlínica da Terceira Idade que, atualmente, possui Oftalmologia Avançada, já vão sair da consulta e dos exames preparados para serem submetidos a esta cirurgia, seja de glaucoma ou catarata por facoemulsificação. A vantagem é que na própria policlínica será disponibilizada uma equipe para fazer a avaliação pré-operatória, ou seja, o paciente vai fazer o exame oftalmológico, vai ter sua patologia diagnosticada e indicado tratamento cirúrgico ou não”, informa a oftalmologista.

Se houve indicação cirúrgica, o paciente já sai com autorização para o exame de sangue em laboratório próximo à policlínica, o exame de eletrocardiograma e risco cirúrgico. “A ideia é fazer com que o paciente não precise ficar buscando esses exames na rede. Desta forma, ele já sai da policlínica com tudo encaminhado, por isso, estes equipamentos são tão importantes porque une a qualidade do atendimento oftalmológico e a excelência do paciente não ficar andando para fazer os seus exames.

Fonte: Prefeitura de Campos dos Goytacazes