Farol tem ações para identificação de crianças e informações sobre o Autismo

Fundação Municipal da Infância e da Juventude e FIA realizaram trabalho conjunto na orla

Geral
Por Redação
30 de janeiro de 2022 - 10h32
Identificação de crianças em Farol de São Thomé (Foto: César Ferreira)

A Fundação Municipal da Infância e da Juventude (FMIJ), em parceria com a Fundação para a Infância e Adolescência (FIA), por meio do programa SOS Crianças Desaparecidas do órgão, distribuiu pulseiras de identificação para crianças na Praia do Farol de São Tomé, neste sábado (29), com o objetivo de garantir a segurança dos menores e a tranquilidade dos pais e responsáveis. Além disso, foi realizada a Blitz Azul, com informações sobre o Transtorno Espectro Autista (TEA).

“Temos aqui, em frente à Arena Esportiva uma equipe da FIA e uma equipe do Gabinete do vereador Leon Gomes prestando relevantes serviços para crianças e adolescentes. A FIA coloca pulseiras de identificação nos bracinhos das crianças e esse trabalho é preventivo contra desaparecimento e tem alcance maior com informações aos pais. “, informou Fabiano de Paula, presidente da FMIJ.

A Coordenadora do Programa SOS Criança Desaparecida da FIA, Angélica Barreto, ensina aos pais e responsáveis que o trabalho da equipe, em consoante com o Programa, é focado com os cuidados da prevenção contra o desaparecimento. Ela explica que não se pode descuidar de crianças e adolescentes com algum transtorno. 

“Atuamos sempre nos locais com movimentação de pessoas fazendo orientação. A criança autista e o adolescente com algum transtorno psicológico ou emocional precisam ser observados e de muita compreensão e cuidadas com carinho e amor. Estamos sempre disponíveis no Polo da FIA na Cidade da Criança, em Campos.Atuamos na busca de  desaparecidos, com a elaboração de cartazes e também depois do reaparecimento, com assistência adequada conforme no caso” , detalha Angélica.

Conscientização sobre o Autismo

Blitz Azul em Farol (Foto: César Ferreira)

Leon Gomes acompanhou o trabalho sobre a conscientização sobre a importância de saber lidar com a criança portadora do espectro autista.
Junto da tradicional Arena que a Fundação Municipal de Esportes instala na orla, o vereador e sua equipe fizeram distribuição da Cartilha intitulada “O que é o Autismo?” 

Desenvolvemos esse trabalho na Câmara e aproveitamos a estrutura aqui na praia, onde circulam muitas pessoas para informar e conscientizar sobre o autismo. É com informações que acabaremos com o preconceito e conseguiremos que essas pessoas sejam cada vez mais inseridas ,no contexto social”, defende Leon Gomes.

Iniciativa elogiada

O menino Guilherme Henriques, de 2 anos,  foi uma das crianças que recebeu a pulseira de identificação na ação da FIA.
Pai de Guilherme, Mateus de Azevedo Henrique aprovou a iniciativa.