CCZ inicia nesta segunda o primeiro LIRAa de 2022

Previsão é de que 7.821 imóveis sejam visitados; resultados da pesquisa vão subsidiar ações em pontos críticos do Município

Campos
Por ASCOM
10 de janeiro de 2022 - 8h19
(Foto: César Ferreira/Prefeitura de Campos dos Goytacazes)

A secretaria municipal de Saúde, por meio do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), inicia nesta segunda-feira (10) o primeiro Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa) de 2022 com vistas o combate as arboviroses transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti, como Dengue, Chikungunya e Zika. A pesquisa amostral tem a finalidade identificar a situação de infestação dos bairros e auxiliar nas atividades de controle da doença.

O LIRAa é realizado a cada três meses, totalizando quatro ao ano, levando em conta o calendário determinado pelo Governo Federal e Estadual. Para a pesquisa, os bairros da área urbana da cidade foram divididos em 19 estratos, onde 7.821 imóveis serão visitados entre o dia 10 e 14 deste mês. Ao todo 100 Agentes de Combate às Endemias (ACSs), além de supervisores e apoio técnico estão para este trabalho. A partir dos resultados, são feitos planejamentos de ações nos principais pontos críticos.

O coordenador do Programa Municipal de Controle de Vetores (PMCV), Claudemir Barcelos, pede que a população continue atenta, principalmente neste período de aumento de temperatura e chuvas fortes, típicos do verão, que eleva o risco de transmissão das arboviroses associadas à proliferação de Aedes aegypti.

“Este período é de fácil proliferação do mosquito. É importante reservar um tempinho para vistoriar os quintais e eliminar possíveis criadouros do mosquito”, alerta. A última pesquisa de 2021 feita no município apontou índice de 4,4%. O ideal é que esse índice fique abaixo de 1%.

Os resultados da pesquisa, que segue até o dia 14, serão concluídos e divulgados na semana seguinte. Em 2021 foram registrados 102 casos positivos de Chikungunya, 32 positivos de Dengue e 02 positivos para Zika. Em 2022 ainda não há casos confirmados.

Para combater as arboviroses no município, o Centro de Controle de Zoonoses mantém diariamente as visitas domiciliares e em pontos estratégicos, além de bloqueio aeroespacial e orientação de prevenção e conscientização da população.

Fonte: Prefeitura de Campos dos Goytacazes