Filhote de tatu-galinha é resgatado em São Francisco de Itabapoana

Animal estava em Dandara, nas imediações de Arroz Dourado, zona rural do município

Meio Ambiente
Por ASCOM
21 de setembro de 2021 - 9h31
(Foto: Divulgação/Prefeitura de São Francisco de Itabapoana)

A secretaria municipal de Meio Ambiente (Sema) de São Francisco de Itabapoana, por meio da Guarda Ambiental (GAM) e com o apoio da Defesa Civil Municipal, resgatou um filhote de tatu-galinha (Dasypus novemcinctus). O animal estava em Dandara, nas imediações de Arroz Dourado, zona rural do município.

“Ligaram para a GAM informando que uma criança havia chegado a casa com um tatu, que posteriormente identificamos a espécie, após o ter recolhido para poder brincar. Acreditamos que a mãe do animal deveria estar próxima dele, no entanto, quando os familiares do menino retornaram ao local onde o filhote se encontrava, não a acharam”, revelou a secretária da pasta, Luciana Soffiati, acrescentando:

“O filhote tem aproximadamente um mês de vida e está muito pequeno para ser solto na natureza, já que não possui condições de se alimentar sozinho. Levamos o animal para o Núcleo de Estudos e Pesquisas em Animais Selvagens (Nepas) da Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf), em Campos dos Goytacazes, onde ficará sob cuidados. Quando completar quatro meses, iremos pegar o tatu-galinha para promovermos a soltura em seu habitat natural no município”.

O telefone da GAM para solicitar captura de animais silvestres em SFI é o (22) 98161-6713. O serviço funciona 24h por dia, durante todos os dias da semana.

Fonte: Prefeitura de São Francisco de Itabapoana