Controle de agrotóxicos do Estado do Rio é destaque no Brasil

Em 2020 mais de 95 toneladas de embalagens vazias foram retiradas do campo e levadas para um destino ambientalmente adequado

Geral
Por ASCOM
25 de janeiro de 2021 - 8h27

Passado o Dia do Controle da Poluição por Agrotóxicos, celebrado em 11 de janeiro, a Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento ressalta a importância da conscientização dos produtores e consumidores sobre os riscos para a saúde e o meio ambiente pelo uso indiscriminado desse tipo de produto.

O Estado do Rio conta com o Sistema de Integração Agropecuária (Siapec) para auxiliar no controle do uso de agrotóxicos nas produções fluminenses. A plataforma permite que a equipe de Defesa Agropecuária controle e monitore a entrada, a comercialização, o uso e a devolução das embalagens vazias em todo o estado.

– Valorizamos o trabalho e a saúde dos nossos pequenos produtores e os produtos que vão chegar até a mesa da população. Por isso, o controle do uso de agrotóxicos é feito com toda segurança e rigidez. O sistema on-line centraliza informações que integram o cadastro, a comercialização, receituário agronômico e a fiscalização do uso dos agrotóxicos – explicou o secretário de Agricultura, Marcelo Queiroz.

Segundo o coordenador de Defesa Vegetal, Leonardo Vicente, graças a essa plataforma, no ano de 2020 mais de 95 toneladas de embalagens vazias foram retiradas do campo e levadas para um destino ambientalmente adequado.

– Estamos na vanguarda do controle de agrotóxicos, com ações para garantir que o alimento ofertado à população não contenha resíduos. E isso se reflete na qualidade de vida do nosso produtor rural – ressaltou o coordenador.

De acordo com uma regulamentação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, todos os produtores de vegetais frescos do Rio de Janeiro deverão utilizar a rastreabilidade em seus produtos. E a Secretaria de Agricultura vem dando todo apoio técnico aos trabalhadores, gerando mais transparência em todo processo, o que gera valor para os produtos fluminenses.

Sistema de Integração Agropecuária

O Sistema de Integração Agropecuária (Siapec) é um dos sistemas mais modernos de controle de agrotóxicos do Brasil. Foi desenvolvido para atender às demandas de gestão das atividades da Defesa e Inspeção Agropecuária.

Com essa plataforma on-line é possível monitorar e realizar o controle de resíduos de agrotóxicos na produção de vegetais frescos, com o objetivo de garantir a qualidade e a segurança desses produtos para o consumidor.

O Siapec é o único sistema que conta com o método de devolução de embalagens, mediado de forma on-line, dando acesso a alimentos com segurança e isentos de resíduos prejudiciais à saúde.

Além disso, colabora no controle desse importante insumo para combater as pragas que prejudicam as lavouras e os agricultores, reduzindo custos e melhorando a qualidade de vida do produtor rural.

 

Fonte: Imprensa RJ