Coordenador do CTI da Santa Casa, em Campos: “Nossa UTI está lotada! Não estamos conseguindo ter sucesso com os pacientes!”

O vídeo do médico Lewry Gulin Crivelaro foi exibido no Radar Regional desta sexta-feira e demonstra a crise da saúde no município

Telejornal
Por Redação
22 de janeiro de 2021 - 13h46

O Radar Regional, telejornal ao vivo, exibido diariamente pela Terceira Via Tv, às 12h, nesta sexta-feira (22), reproduziu um vídeo em que o médico intensivista Lewry Gulin Crivelaro, coordenador do Centro de Terapia Intensiva da Santa Casa de Misericórdia de Campos, faz um alerta à população, informando que a UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do hospital está lotada e que os pacientes estão precisando utilizar por mais tempo os respiradores.

“Nossos pacientes têm chegado a cada dia mais graves e o tempo de permanência dependendo do ventilador pra conseguir respirar está prolongado. Não estamos conseguido ter sucesso como tínhamos anteriormente…O Covid-19 é uma doença assassina”, disse o médico.

Imagens também da UTI lotada foram exibidas no programa. A produção do Radar Regional entrou em contato com o diretor da Santa Casa, o médico Cléber Glória, que confirmou as informações do vídeo. Segundo ele, a situação do hospital é crítica e o objetivo do vídeo é fazer com que as pessoas se conscientizem.

“Esse vídeo mostra a realidade. Infelizmente! Esperamos que as pessoas tenham consciência e façam a sua parte”, lamentou o diretor da unidade.

Atualmente, todos os hospitais de Campos atendem pacientes com Covid-19 devido ao avanço no número de casos. No início da pandemia o atendimento era feito apenas nas unidades de referência. A cidade acumula 17.059 infectados e 617 óbitos desde o início da pandemia.  Segundo o órgão municipal, as mortes mais recentes são de cinco homens e três mulheres, com idade entre 56 e 76 anos. Todos com comorbidades. O município está no nível 4 (fase laranja) do Plano de Retomada das Atividades Econômicas e Sociais.

Veja vídeos: 

 

Assista o Radar Regional na íntegra: