Subsecretária dos Direitos da Mulher vai ao Rio pedir CEAM para Campos

Josiane Borges explica que alguns projetos federais exigem equipamentos montados

Campos
Por Redação
10 de janeiro de 2021 - 14h02

Josiane Borges (Foto: Carlos Grevi)

Na próxima terça-feira (12), a Subsecretária Municipal dos Diretos da Mulher de Campos, Josiane Borges, se reúne no Rio, com Subsecretária Estadual de Políticas para Mulheres, Cristiana Onorato, discutindo políticas públicas efetivas ao enfrentamento à violência de gênero e suas novas diretrizes. Na oportunidade, Josiane Borges apresenta à secretária estadual e também delegada, projeto para implantação em Campos do Centro Especializado de Atendimento à Mulher (CEAM).

“É um desejo nosso e do Prefeito Wladimir Garotinho que atuemos fortemente para implantar o CEAM, um espaço de acolhimento e atendimento humanizado às mulheres em situação de violência. Ela tem por objetivo facilitar o acesso dessas mulheres aos serviços especializados de atendimento, de forma a garantir condições para o enfrentamento da violência vivenciada, o empoderamento da mulher e sua autonomia econômica”, afirma Josiane Borges.

A subsecretária municipal explica que alguns projetos federais exigem equipamentos montados e o CEAM é um deles, levando em conta que outros já existem em Campos. Ela cita, por exemplo, a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam), Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim), Patrulha Maria da Penha, Comissão dos Direitos da Mulher na Câmara de Vereadores, Ministério Público especializado, Defensoria Pública especializada, entre outros.

“O CEAM integra-se à Rede de Atendimento, pois concentra em um mesmo espaço físico os principais serviços especializados e multidisciplinares de atendimento às mulheres em situação de violência, como recepção, acolhimento e triagem; apoio psicossocial; serviço de promoção de autonomia econômica; espaço de cuidado das crianças; brinquedoteca e outros”, finaliza Josiane Borges.