Saúde reabre Centros de Referência da Mulher, da Criança e do Adulto na segunda

Unidades serão reabertas com atenção a todas as medidas necessárias de enfrentamento à Covid-19

Campos
Por ASCOM
1 de agosto de 2020 - 11h02

O Centro de Referência e Tratamento da Criança e Adolescente I (CRTCA I) segue com atendimento de vacinas, porém, com novo endereço, na Cidade da Criança (Foto: Divulgação)

A partir da próxima segunda (03), a Secretaria Municipal de Saúde retoma o atendimento especializado no Centro de Referência da Criança, o Centro de Referência de Tratamento da Mulher, e nos Centros de Referência e Tratamento da Criança e Adolescente I e II (CRTCA). As unidades serão reabertas com atenção a todas as medidas necessárias de enfrentamento à Covid-19. Também será implantada a Rede de Atenção à Saúde (RAS), com foco especial às condições crônicas dos adultos.

A implantação da RAS das condições crônicas do adulto é uma estratégia de gestão clínica que busca garantir um sistema de referência e contra referência com mais agilidade de atendimento tendo como base protocolos de risco para as principais doenças crônicas do adulto. Pacientes com doenças crônicas de difícil controle e/ou de maior risco serão agendados pela UBS de origem através do profissional de saúde médico ou enfermeiro com a equipe de gestão clínica da RAS para as especialidades, conforme a indicação, sendo referenciados de volta à sua UBS de origem.

A Subsecretária de Atenção Básica, Vera Marques, destaca que a reabertura das Unidades Básicas de Saúde e dos Centros de Referência e a implantação da RAS às condições crônicas, com Centro de Referência do Adulto, fazem parte do planejamento de Reestruturação do Sistema de Saúde.

“Os Centros de Referência e a RAS das condições crônicas passam por uma readequação de atendimento, mas, sempre pensando no melhor atendimento para a população. Além disso, continuamos trabalhando para, gradativamente, reabrir as UBS tão importantes para o atendimento no município”, afirma.

O Centro de Referência e Tratamento da Mulher – na Rua Gil de Góis, 126, Centro- oferecerá o atendimento a gestantes de Alto Risco, com encaminhamentos realizados pelas UBS, por meio de critérios definidos no Protocolo Municipal.

O Centro de Referência e Tratamento da Criança e Adolescente I (CRTCA I) segue com atendimento de vacinas, porém, com novo endereço, na Cidade da Criança – rua José do Patrocínio, número 74. O atendimento para o CRTCA I será para recém-nascido (RN) de alto risco, entre eles os que nascem com peso menor ou igual 1.500g, com Idade gestacional menor ou igual a 32 semanas, RN com asfixia moderada e grave, com malformações congênitas graves, síndromes genéticas, alterações no teste do pezinho, no teste da orelhinha ou no teste do coraçãozinho.

Já o CRTCA II permanece com mesmo endereço – na Av. Vinte e Oito de Março, 350, Centro, ao lado da Cidade da Criança – exclusivamente para o atendimento de especialidades pediátricas, contando com equipe multidisciplinar composta por pediatra, otorrino, neuropediatra, alergista, cardiologista, nutricionista, dentistas, odontopediatra, ortodontista, assistente social, nutricionista, enfermeira, psicóloga, fisioterapeuta, entre outros profissionais.

Unidades Básicas de Saúde seguem com agendamento de vacinação de rotina

Mais de 20 Unidades Básicas de Saúde estão abertas em todo o município e oferecem a vacinação de rotina com agendamento.

Usuários das UBS Ponta da Lama, Patronato, Morro do Coco, Penha, IPS, Guarus, Parque Prazeres, Santa Cruz, Saturnino Braga, Lagamar, Conselheiro Josino e Parque Rodoviário podem agendar vacinas diretamente nas unidades.

Já para as Unidades do Parque Aldeia, Baleeira, Sentinela do Imbé, Santa Helena, Parque Imperial, Poço gordo, Morangaba, Parque Eldorado, Parque Santos Dumond e Ponta Grossa o atendimento para vacinação de rotina acontece por demanda espontânea, sem necessidade de agendamento. Em breve, também será possível agendar consultas no contato direto de cada uma dessas UBS.

As UBS e os Centros de Referência da Mulher, da Criança e do Adulto seguem com todas as medidas de segurança para o enfrentamento da Covid-19.