Coluna do Balbi: Crise da Covid faz casa noturna mais badalada da Pelinca acabar

Placa de "Passo o ponto" foi colocada na frente da boate, situada na Avenida Pelinca

Geral
Por Coluna do Balbi
24 de julho de 2020 - 15h37

Os proprietários da mais badala casa noturna da Pelinca, a Excess — forte grupo de entretenimento – jogaram toalha. Decidiram passar o ponto. É mais um negócio vítima da pandemia do coronavírus.

Como a expectativa é de que casas noturnas em ambientes fechados levarão muito tempo para retomarem à normalidade, os proprietários parecem, ter acertado na decisão. O local está fechado desde março.

Frequentada principalmente pelos jovens, a Excess tem sido, até aqui, uma referência no que eles, os jovens, chamam de baladas. Além de boate, funcionava também como casas de shows.

A Excess estava localizada no coração da Pelinca, a avenida mais sofisticada de Campos, e gerava a média de 30 empregos entre garçons, pessoas de cozinha a seguranças.