Laboratório do HGG passa a ser referência em análise de exames da Covid-19 na região

Com isso, resultado dos exames, que estavam levando em média 15 dias para saírem, passam para até 48h e não precisarão mais ir para o RJ

Geral
Por ASCOM
22 de maio de 2020 - 17h43

O Laboratório Regional do Hospital Geral de Guarus (HGG) acaba de receber do estado autorização para atuar como referência na análise de exame de detecção por PCR para Covid-19. A implantação é uma parceria entre Prefeitura de Campos e Uenf. Com a iniciativa, resultado dos exames, que estavam levando em média 15 dias para saírem, passam para até 48h. As primeiras amostras já começaram a serem analisadas. Nesta sexta-feira (22), o prefeito Rafael Diniz se reuniu com membros do Gabinete de Crise pra Enfrentamento ao novo coronavírus e o retor da Uenf, Raul Palácio.

Após período de adaptação e avaliação, a unidade está apta a realizar ate 100 análises diariamente. No início do mês, o laboratório do HGG foi avaliado por equipe do Laboratório Central Noel Nutels (LACEN-RJ) – responsável por coordenar a rede de laboratórios públicos e privados que realizam análises de interesse em saúde pública – para a habilitação e viabilização do início das atividades. O LACEN é o laboratório de referência da Fundação Saúde responsável por testes de coronavírus no Estado do Rio.

O prefeito Rafael Diniz explicou a parceria entre a Uenf e a prefeitura. “A Prefeitura está entrando com a estrutura e com os técnicos, a Uenf entra também com alguns equipamentos e mais profissionais qualificados. Sabemos que o número de casos deve aumentar, nossos resultados mostraram com maior clareza a situação do município num período importante para tomarmos as medidas necessárias. As subnotificações serão bem menores”, destacou Rafael.

Outro ponto importante é com relação aos kits de testagem. “O laboratório está apto a fazer a análise dos resultados, mas os kits continuam sendo enviados pelo estado. Só podemos trabalhar se os kits continuarem chegando normalmente”, lembrou o prefeito.

De acordo com Andréya Moreira, infectologista e Diretora da Vigilância em Saúde do município, o contato da Secretaria Estadual de Saúde foi feito para ampliar e dinamizar resultados de testes de pacientes com suspeitas do novo coronavírus em toda a região.

– O laboratório será utilizado pelos profissionais do HGG e da Uenf para que possamos ampliar o número de testes feitos em pacientes com suspeitas da doença e com resposta mais rápida – concluiu Andréya Moreira.

O reitor da Uenf, Raul Palácio, parabenizou o prefeito pela parceria da universidade e a prefeitura. “ É de extrema importância essa aproximação. Somos entes públicos e nosso maior interesse é o bem-estar da população”, declarou o reitor.