Inauguração do hospital de campanha de Campos é adiada novamente

Marcada para o próximo dia 25, agora, a data de abertura passou para 12 de junho

Tudo sobre coronavírus
Por Mariane Pessanha
21 de maio de 2020 - 14h25

E pela quarta vez, o Governo do Estado adiou a inauguração do hospital de campanha de Campos. Inicialmente marcada para o próximo dia 25, agora, a unidade será aberta apenas no dia 12 de junho. Isso, se a promessa do Governo do Estado se cumprir. No município, dos 19 leitos disponibilizados para pacientes com Covid-19, 15 estão ocupados. Em entrevista ao Jornal Terceira Via o prefeito de Campos, Rafael Diniz, disse que não descarta a possibilidade de prorrogar o lockdown, que teve início na última segunda feira e está previsto para terminar no próximo domingo, dia 24.

Inicialmente, o hospital seria inaugurado dia 30 de abril. Depois passou para 23 de maio, em seguida a data mudou para 25 de maio e, agora, 12 de junho. Hoje, pela manhã, o Centro de Controle de Combate ao Coronavírus (CCCC) estava cheio de pessoas que buscavam atendimento. O hospital de campanha é uma das iniciativas do governador Wilson Witzel (PSC) para combater a propagação do novo coronavírus no Estado. Em abril, o governador informou que serão 100 leitos na nova unidade. O município receberá, ainda, uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Em nota, a Secretaria de Estado de Saúde (SES) informou as novas datas limite para a entrega das unidades de campanha pela Organização Social Labas. Porém, não respondeu ao questionamento feito sobre o motivo do adiamento. As novas datas são:

 

 

27/05 – São Gonçalo

29/05 – Nova Iguaçu

01/06 – Duque de Caxias

07/06 – Nova Friburgo

12/06 – Campos

18/06 – Casimiro de Abreu