Morte do deputado Estadual Gil Vianna repercute na imprensa nacional

Veículos de todo país destacaram falecimento do parlamentar em suas manchetes nesta quarta-feira

Obituário
Por Redação
20 de maio de 2020 - 15h38

A morte do deputado federal e pré-candidato a prefeito de Campos, Gil Vianna (PSL), por complicações decorrentes de covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus, foi notícia em veículos de imprensa de todo o país nesta quarta-feira.

Veículos como O Globo, O Dia, Correio Braziliense, Folha de S. Paulo, Estadão, CNN Brasil, IstoÉ, G1, R7 e IstoÉ destacaram o falecimento de Vianna. Veja abaixo as manchetes.

Gil Vianna morreu aos 54 anos, na noite de terça-feira, após oito dias internado no Hospital da Unimed em Campos. De acordo com veículos como Estadão, Correio Brasiliense e Valor Econômico, ele sofreu uma parada cardíaca após ser entubado.

De acordo com o jornalista Lauro Jardim, que assina blog homônimo hospedado no site do jornal O Globo, o deputado estadual fez uso de cloroquina enquanto esteve internado. O jornal Terceira Via entrou em contato com a assessoria de imprensa do deputado estadual, que emitiu uma curta nota na qual afirma somente que “o protocolo usado no tratamento do deputado não foi divulgado pela família”.

O corpo de Gil Vianna foi sepultado na manhã desta quarta-feira, no cemitério Campo da Paz, em Campos, cidade onde nasceu. Ele deixou viúva e três filhos. Políticos usaram as redes sociais para lamentar a morte do deputado estadual.

Há cerca de 15 dias, durante uma sessão remota da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), Vianna se ausentou, justificando que estava com sintomas de coronavírus e, por isso, iria procurar ajuda médica.

Gil foi vereador em Campos por dois mandatos consecutivos  e, atualmente, estava em seu segundo mandato na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). Gil já serviu o Exército Brasileiro e a Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro. Ele se lançou pré-candidato a prefeito de Campos em 2020. Gil deixa mulher e três filhos.