Agentes do Grupo de Resgate Voluntário (GRV) de Campos atendem vítimas de alagamentos em Iconha/ES

14 voluntários trabalharam mais de 15 horas por dia atendendo feridos, desobstruindo vias e distribuindo alimentos e medicamentos

Campos
Por Redação
25 de janeiro de 2020 - 17h07

Agentes do Grupo de Resgate Voluntário (GRV) de Campos estiveram em Iconha, no sul do Espírito Santo, entre os dias 21 e 24, para levar doações e prestar atendimento às vítimas dos alagamentos que acometeram a cidade nas últimas semanas. Eles trabalharam mais de 15 horas por dia, carregando e descarregando veículos, distribuindo alimentos, auxiliando no resgate de feridos e condução ao hospital e desobstruindo vias.

De acordo com o coordenador do grupo voluntário, Emílio Martins, os socorristas levaram alimentos, roupas, fraldas e material de limpeza e higiene provenientes de doações feitas em Campos. Eles chegaram até Iconha com o auxílio de uma van do IFF, no entanto, o transporte quebrou próximo ao município e os voluntários precisaram ser resgatados por outras equipes que já estavam na cidade do ES.

Os 14 agentes de Campos ficaram no Ponto de Apoio da Paróquia de Santo Antônio e dividiram as ações em montagem de posto de atendimento emergencial; distribuição de alimentos,;atendimento médico e transferência de vítimas para o CREAS, onde funciona um hospital provisório; mapeamento dos locais mais críticos; desobstrução de vias; e avaliação de segurança de imóveis. O número de atendimentos das equipes foi superior a 100.

“Além do cuidado de saúde, a interação com a população foi de grande valor. O cuidado foi além do físico, por recebemos abraços sinceros, escutamos historias… Muitas vezes ficamos emocionados, mas nos mantivemos firmes na missão para melhorar a saúde dos assistidos, evitando futuras internações ou agravos do quadro de saúde.
Essa foi uma experiência que transcende o que é ser voluntário. Nos tornamos parte da cidade, sentimos a dor de cada um, choramos juntos, trabalhamos juntos, oramos juntos e aprendemos que a solidariedade é o único caminho para que sejamos uma sociedade melhor”, declarou o coordenador do GRV.

O diretor do hospital da cidade agradeceu o apoio do grupo e declarou que sem o apoio dos voluntários de Campos “seria difícil conseguir fazer todo o atendimento que precisava ser feito”.

Veja algumas imagens das ações do GRV em Iconha:

(Fotos: Divulgação)