Voluntários oferecem curso básico de natação gratuito em Campos

Profissionais de educação física e fisioterapia ajudam na prevenção de afogamentos

Segurança
Por Redação
7 de dezembro de 2019 - 9h00

Fabiano Borges é nadador e professor (Foto: Reprodução)

Aprender a nadar em um dia de aula e ter noções de primeiros socorros e salvamentos em piscinas. Estas são propostas apresentadas por dois profissionais de Campos que querem incentivar a prevenção de afogamentos. Fabiano Borges e Leonardo Faria oferecem curso gratuito para qualquer pessoa que queira aprender técnicas de nado e socorro. No dia 14, eles estarão no Tênis Clube ministrando aulas. Para se inscrever, o interessado pode ser doador de sangue, leite em pó, fraldas geriátricas ou brinquedos.

“Trata-se de uma ação voluntária. Como não estamos cobrando pelas aulas, queremos incentivar as pessoas que queiram participar a serem voluntárias também. A doação de sangue, de leite em pó, fraldas geriátricas ou de brinquedos ajudará a muitas pessoas que necessitam de algum tipo de ajuda”, explica Fabiano Borges.

O educador físico Fabiano Borges tem 33 anos de experiência com natação. Foi atleta de clubes como Flamengo, Botafogo, Pinheiros, Fluminense, recordista sul-americano. Formado em educação física, é pós-graduado em treinamento desportivo e fisiologia. Já Leonardo Faria é fisioterapeuta e enfermeiro com mestrado em socorros e urgência, além de instrutor de salvamento aquático credenciado. É sargento do Corpo de Bombeiros onde atua como motossocorrista.

Leonardo Faria ensina técnicas socorristas (Foto: Reprodução)

Os cursos de natação e primeiros socorros acontecerão no dia 14 de dezembro, às 9h, no Tênis Clube de Campos. Recomenda-se aos interessados chegarem uma hora antes para a inscrição e fornecimento de dados.

“Qualquer pessoa poderá participar. A partir das férias escolares de verão, há muitos casos de afogamentos que podem e devem ser evitados. É comum crianças pequenas serem alvos de incidentes em piscinas e até mesmo com baldes, pias e tanques de lavar roupa em casa. Instruímos como proceder nessas situações, além de ensinar como alguém pode nadar com apenas um dia de aula”, destaca Fabiano Borges.

        Casos de afogamentos em piscinas crescem durante o verão  (Foto: Reprodução)