Hora de reforçar o treino para o verão

Com a estação mais esperada do ano a menos de dois meses, saiba como preparar seu corpo de forma correta

Campos
Por Taysa Assis
8 de novembro de 2019 - 15h05

Mulheres no foco (Foto: Silvana Rust)

Faltando menos de dois meses para o verão, o movimento nas academias de Campos já aumentou. Nesse período, os proprietários já sabem: quando chega o fim do ano, o número de pessoas aumenta consideravelmente. Normalmente, a partir do segundo semestre, há um aumento de 20 a 25%
nesta época do ano. É também nesta época que é preciso prestar atenção em alguns cuidados especiais que podem auxiliar a prática de atividades físicas mesmo em dias mais quentes.

Independente de qual for o seu lugar preferido para se exercitar, ou se você nunca praticou uma atividade física, precisa tomar cuidados extras. Se você já treina, vale ressaltar que cuidados como boa alimentação, hidratação e a prática regular de musculação fazem parte de uma receita indicada para se obter uma boa forma no verão. Se você nunca treinou, e quer conseguir resultados mais rápidos, com a intenção de entrar em forma na estação do calor, cuidado para não exagerar nas atividades.

São os chamados “atletas de verão”, aqueles que procuram as atividades físicas com um objetivo claro: chegar em forma à estação mais quente do ano. A boa notícia, é que de acordo com o empresário Sandro Moura, proprietário de uma academia, a maior parte desses atletas de ocasião acaba mantendo a frequência na academia mesmo depois de encerrada a temporada da batalha pela boa forma. O correto não seria esperar o verão chegar para fazer atividade física, nem melhorar o corpo, mas sim fazer gradativamente com uma boa alimentação, acompanhado de um nutricionista e com a prática de exercício físico”, relata o empresário Sandro Moura.

 

(Foto: Silvana Rust)

Porém, a vontade de obter resultados rápidos pode trazer problemas à saúde de quem não está habituado a fazer atividades físicas com regularidade. Muita gente acaba exagerando na carga ou na intensidade dos exercícios. De acordo com o profissional, Fred Pereira de Souza, os tipos de lesões mais comum nestes casos são as que atingem as articulações e músculos. Joelho, ombro e coluna são os pontos mais prejudicados, por isso, é tão necessário e importante procurar um médico, um bom profissional de educação física e uma academia que lhe ofereça toda esta estrutura. “Todos aqueles que irão começar uma atividade física, devem fazer o teste cardiológico para ver se está tudo certo com seu corpo. O processo é sempre gradativo. Procure um profissional e passe para ele seus objetivos. Dessa forma, será montado um programa específico de tratamento e adequado para cada pessoa e assim a partir do treino, o aluno vai começar a perceber o resultado acontecer de forma satisfatória”, declara o professor, Fred Pereira.

Sandro destaca ainda a importância de se ter qualidade de vida aliada com a atividade física, que só traz benefícios para quem pratica.  “Ter uma vida saudável, distrair amente, isso é fundamental”, relata.  Para a gerente de lojas, Patrícia Rodrigues, cuidar do corpo e mente são essenciais. “A rotina é tão acelerada e a gente fica mesmo sobrecarregada, aqui é a minha válvula de escape e é onde eu descarrego e me renovo todos os dias. Hoje, é uma questão de saúde, o corpo é consequência de todo um trabalho feito. Percebo que nos dias atuais, que as pessoas que frequentam academia vem por questão de saúde e não tanto mais por estética”, define Patrícia.

Empresário Sandro Moura (Foto: Silvana Rust)