Florada do café modifica a paisagem em Varre-Sai

O maior produtor do estado do Rio de Janeiro deve chegar a colher 110 mil sacas na próxima safra

Estado do RJ
Por Redação
8 de outubro de 2019 - 16h28

xxxxxxxxxxxxxxx

Um  espetáculo da natureza nos cafezais de Varre-Sai pode ser conferido pelos moradores e visitantes da cidade no Noroeste Fluminense. A exuberância da florada do café cobriu de branco grande parte da área rural do município. E na capital estadual do café, os produtores rurais já sabem que uma boa florada é o prenúncio de uma grande safra. E a previsão é otimista para a colheita de 2020.

De acordo com o técnico do Ministério da Agricultura e presidente da Cooperativa de Café do Norte Fluminense, José Ferreira Pinto, a estimativa é que a safra no maior produtor de café do Estado do Rio de Janeiro, seja de 110 mil sacas, quase 30% do café produzido no estado.

“A florada tem uma importância muito grande para o setor cafeeiro porque é o primeiro sinal para medir o tamanho da próxima safra. E com essa bela e forte florada que estamos tendo, a expectativa é de uma grande safra para o ano que vem. Diferente do que ocorreu em 2019 quando houve várias pequenas floradas que contribuiu para uma maturação desuniforme e que prejudicou a qualidade do café colhido”, ressaltou José Ferreira.

Ainda segundo o técnico do Ministério da Agricultura, a florada servirá de incentivo ao cafeicultor, pois veio em um momento de desânimo para o mesmo. “Acredito que a florada servirá para dar um novo ânimo ao cafeicultor, pois poderá aguardar uma boa produção”, concluiu.