Luta da Pessoa com Deficiência tem dia de ação em Campos

Anfea e outras 11 instituições se reúnem no Boulevard Shopping no dia 20 onde realizam campanha

Comunidade
Por Redação
18 de setembro de 2019 - 18h45

Em 2018, Anfea e outras entidades realizaram campanha em Campos (JTV)

O Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência é comemorado em 21 de setembro. Porém, em Campos, a data será antecipada com uma campanha local, no dia 20, às 14h, no Boulevard Shopping. A iniciativa do evento é promovida pela Associação do Norte Fluminense dos Engenheiros e Arquitetos (Anfea) que se juntou a outras 11 entidades para criar ações de conscientização junto à comunidade. Na programação, há várias atividades previstas.

De acordo com o vice-presidente da Anfea, Ernani Alves, a campanha no dia 20 é para reforçar as ações em parcerias de instituições comprometidas com a luta de pessoas deficientes em Campos. “São várias entidades envolvidas com a causa do deficientes físico em geral. A Anfea possui 84 anos. Nós sempre estivemos engajados em causas sociais. Não poderíamos deixar de fora essa mobilização em favor de pessoas com deficiência”, diz Ernani.

Várias atividades fazem parte da programação de luta pelos deficientes

Além da Associação do Norte Fluminense dos Engenheiros e Arquitetos, participam da campanha Apae, Apoe, Apape, Serviço de Assistência São José Operário Educandário para Cegos, Grupo Retina Campos, Conselho Municipal para Inclusão da Pessoa com Deficiência, Paresportes Campos, Ong Esportes sem Fronteiras, AMA Campos e Olimpíadas Especiais Brasil Regional Norte/Noroeste Fluminense.

A programação no Boulevard Shopping acontece a partir de 14h, com atividades culturais, campanha de conscientização do uso das vagas especiais com a Patrulha Mirim da Anfea, e palestras com integrantes da Anfea. “No ano passado, realizamos a mesma campanha e obtivemos bons resultados junto ao público com a conscientização sobre problemas enfrentados por pessoas com deficiência”, comentou Ernani.

O público pode interagir com brincadeiras e palestras de conscientização

De acordo com o Censo 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) , quase 46 milhões de brasileiros ou cerca de 24% da população, declararam ter algum grau de dificuldade em pelo menos uma das habilidades investigadas (enxergar, ouvir, caminhar ou subir degraus), ou possuir deficiência mental / intelectual. As deficiências físicas ou motoras no Brasil em qualquer nível, segundo a pesquisa, equivalem a cerca de 6,7% da população.