Após concluir Curso de Panificação, campista é promovido em empresa multinacional

Em 2017 e 2018, mais de 200 alunos se formaram na Padaria Escola, da Prefeitura de Campos

Geral
Por ASCOM
8 de julho de 2019 - 10h07

(Fotos: Antônio Cruz/SupCom Campos)

Edemilson Carlos Alves de Oliveira, 51 anos, morador do bairro Jardim Carioca, em Campos, trabalhava como saloneiro numa empresa multinacional, prestadora de serviços da Petrobras, em Macaé. Mas foi em busca de seu sonho: ele queria mudar de função e se tornar padeiro. Para isso, se inscreveu no Curso de Panificação da Padaria Escola da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social (SMDHS) no ano passado, se esforçou e, após um ano de aprendizado, apresentou o novo certificado ao Departamento de Recursos Humanos da empresa. Um dia depois já estava promovido.

Casado e pai de três filhos, Edemilson revela pelo sorriso que não somente a função mudou, mas também a autoestima, a felicidade e, principalmente, o salário. Ele afirma que se tornou um profissional ainda melhor graças ao incentivo recebido nas aulas.

– Sempre quis fazer um curso de qualificação, mas não conseguia porque trabalhava embarcado. O único lugar que me deu essa chance foi a Prefeitura de Campos. Quando eu desembarcava, dobrava a carga horária no curso, corria atrás das receitas com os professores e com os colegas, não desisti. Fui em frente. Testava as receitas em casa e não descansava. Sempre gostei dessa área, me identifico muito. Via os colegas trabalhando e fui me interessando cada vez mais. Estou como padeiro desde janeiro e só recebo elogios. Agradeço a Deus, à Prefeitura e aos meus instrutores – disse.

Segundo o novo padeiro, os sonhos ainda não acabaram. Ele pretende, ainda, abrir seu próprio negócio e garantiu que já está transmitindo ao filho mais velho o conhecimento adquirido na Padaria Escola.

– Recomendo muito o curso. Sempre digo lá na empresa que eles deveriam encaminhar outras pessoas para fazerem também. Temos que saber usar as oportunidades que temos e tirar proveito delas. Se eu pudesse, faria as aulas de novo. Estou muito feliz – acrescentou.

Neste mês de julho, mais 120 alunos, aproximadamente, iniciaram o Curso, divididos em quatro turmas. Tudo é custeado pela Prefeitura, inclusive material e certificado. “Em 2017 e 2018, a Secretaria formou mais de 200 alunos na Padaria Escola. Nossa Gerência de Inclusão Produtiva e Economia Solidária oferece, ainda, os cursos de Cabeleireiro, Costura Criativa e Artesanato”, destacou o secretário de Desenvolvimento Humano e Social, Marcão Gomes.

Fonte: SupCom Campos