Seap identifica envolvidos em homicídio dentro da Cadeia Dalton Crespo de Castro

Sete detentos da unidade teriam espancado Robson Santana de Azevedo até a morte mando de preso em Bangu

Campos
Por Marcos Curvello
22 de maio de 2019 - 7h53

Casa de Custódia Dalton Crespo de Castro (Foto: Silvana Rust)

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) identificou oito presos suspeitos de envolvimento em um homicídio ocorrido dentro da Cadeia Pública Dalton Crespo de Castro, em Campos, no dia 30 de abril.

Segundo a Seap, sete detentos da unidade espancaram Robson Santana de Azevedo, de 27 anos, a mando de um homem que está preso em Bangu, no Rio de Janeiro, e é apontado como chefe do tráfico de drogas em Casimiro de Abreu.

Em nota, o órgão afirmou a investigação envolveu “um trabalho de levantamento de dados através de imagens das câmeras de segurança da Seap e com presos colaboradores”.

Os internos envolvidos na morte de Robsol foram “transferidos de unidade prisional e sofreram sanções disciplinares”.
O caso foi registrado e é sendo investigado na 146ª Delegacia Policial (DP), em Guarus.