Morre a atriz Maria Isabel de Lizandra

Ela foi ícone da televisão nos anos 1960 e 1970

País
Por Redação
15 de março de 2019 - 17h23

A atriz Maria Isabel de Lizandra morreu na noite de desta quinta-feira (14), no Hospital das Clínicas de São Paulo, segundo informou a família. Ela é umas das primeiras atrizes da TV brasileira, conhecida por vários trabalhos na televisão, como o fenômeno Vale Tudo, um dos maiores sucessos da história da Globo.

Em Vale Tudo, Maria Isabel interpretou Marisa, amiga da personagem Raquel, vivida por Regina Duarte.

A atriz tinha 72 anos e deu entrada no Hospital das Clínicas com quadro de pneumonia.

Jayme Periard, Maria Isabel e Sandra Anneberg em “Pacto de Sangue” da TV Globo

O corpo foi velado no Cemitério do Araçá e sepultado no Cemitério da Consolação.

Maria Isabel Reclusa Antunes Maciel, que adotou o nome artístico de Maria Isabel de Lizandra, nasceu em São Paulo em 5 de junho de 1946. Estreou na TV Tupi em 1964 e participou de novelas nas tevês Excelsior, Bandeirantes e Record.

Fez muito sucesso com a novela Mulheres de Areia, interpretando a personagem Malu, e na novela O Machão, quando atuou com Antônio Fagundes.

Na Globo estreou em 1983 com a minissérie Moinhos de Vento. Atuou também em Champagne, Tenda dos Milagres e Vale Tudo. Também atuou em Dona Beija, na TV Manchete.

Seu último trabalho na tevê foi a minissérie Labirinto, em 1998.

Maria Isabel de Lizandra e Nicette Bruno em “Tenda dos Milagres” (TV Globo)

Fonte: G1