Evanildo Bechara, membro da ABL, faz conferência no IFF, em Campos

Considerado o maior gramático vivo da Língua Portuguesa em toda a comunidade lusófona, o acadêmico comemora seus 90 anos na cidade

Cultura
Por Ocinei Trindade
21 de agosto de 2018 - 14h27

O filólogo Evanildo Bechara ocupa a cadeira nº33 da ABL (Foto: Reprodução)

O professor, escritor, filólogo e acadêmico Evanildo Bechara visita Campos nesta quarta-feira (22) para realizar conferência  no Instituto Federal Fluminense, às 18h30. Ele completou 90 anos em fevereiro, mas até o fim de 2018, pretende comemorar a data nas universidades brasileiras realizando palestras. Bechara é considerado o maior gramático em atividade por especialistas de todos os países de língua portuguesa. Ele vem a convite da coordenação do Curso de Licenciatura em Letras e da direção geral do IFF Campus Centro.

Para a coordenadora do Curso de Letras do IFF, Ana Poltronieri, contar com a presença de Evanildo Bechara na instituição é uma grande honra por seu legado e contribuição para os estudos da Língua Portuguesa.  “Todas as universidades do Brasil estão prestando algum tipo de homenagem a ele. Nós temos, ainda, a oportunidade de compartilhar conhecimento presencialmente. Quando fui doutoranda, tive a oportunidade de jantar com ele. Não fui sua aluna diretamente, mas todos nós professores de português somos influenciados e formados por ele de alguma forma”, disse.

Ainda de acordo com Ana Poltronieri, a conferência de Evanildo Bechara acontecerá no Auditório Cristina Bastos e será transmitida por circuito interno de televisão para o outro auditório do IFF. “A entrada é franca e não temos tantos lugares. Sugiro que as pessoas cheguem antes do horário para se acomodarem adequadamente.”, sugere. A Editora Nova fronteira, responsável pela publicação de todas as obras de Bechara montará um estande especialmente para vender seus livros. “Ele fará uma sessão de fotos e autógrafos para seus leitores”, explicou Poltronieri.

Natural do Recife, o pernambucano Evanildo Bechara é membro correspondente da  Academia das Ciências de Lisboa e doutor honoris causa pela Universidade de Coimbra; professor-titular e emérito da Universidade do estado do Rio de Janeiro (UERJ) e da Universidade Federal Fluminense  (UFF), além de titular da cadeira nº 16 da Academia Brasileira de Filologia, e da cadeira 33 da Academia Brasileira de Letras, onde o imortal tomou posse no ano 2000.

Entre as principais gramáticas da língua portuguesa dedicadas aos públicos leigo e profissional estão: “Moderna Gramática Portuguesa”,  “Gramática Escolar da Língua Portuguesa”, “Lições de Português pela Análise Sintática”. Evanildo Bechara é ainda editor da revista “Confluência”, dedicada a temas linguísticos, editada pelo Liceu Literário Português.