De morador de rua a banqueiro

A incrível história de superação que levou David Portes do chão ao topo do mundo com criatividade e trabalho

Campos
Por Redação
19 de novembro de 2017 - 0h01

palestra-david-portes-claroPor ALOYSIO BALBI

Imagina uma pessoa que em Campos foi cortador de cana, vendedor de amendoim, ajudante de pedreiro e morador de rua? Agora imagina que essa mesma pessoa sem ganhar na loteria e sem ser político se tornou milionário e que agora é um banqueiro? Parece ficção, mas essa pessoa existe e tem nome e sobrenome: David Portes. Como diriam os antigos, nos idos de 1986, desempregado e com o equivalente a R$ 12 no bolso, viu Campos pelo retrovisor do carro, que não tinha, e mudou-se para a cidade do Rio de Janeiro onde começou a vender balas no Centro. No Rio, a capital das balas perdidas a sorte atingiu David à queima-roupa e nunca mais parou de negociar.

Na verdade não se pode definir isso como sorte. Grandes ideias sempre encontram homens que a procuram, e David na vida dura dos dias seus pelas ruas de Campos vislumbrou uma avenida de prosperidade. Não foi uma obra de empreiteiro superfaturada. Ele teve que pavimentar essa avenida com ideias, a partir daquela dúzia de reais que tinha no bolso quando saiu de Campos e ele concluiu que a partir desta quantia havia muitos modos de ganhar dinheiro, mas que existe uma só maneira de gastá-lo: gastar menos do que se ganha. Administrar dinheiro não é fácil. Administrar a falta dele é ainda mais difícil.

Na verdade, David Portes vivia entre uma fina linha da miséria e da impossibilidade. Ele apagou essa linha. Com suas ideias criativas conseguiu atrair uma grande clientela em uma banca de camelô. Primeiro, a bala, depois a banca e agora um banco. Hoje, aos 57 anos, David Portes é dono das empresas Talk About, D!Marketing, AD POP e Investicomm, além de rodar o planeta dando palestras sobre a sua história de superação. O banco virtual Umclub, lançado no início deste ano, deve ser mais um empreendimento de sucesso deste ex-morador de rua.

— Não tem taxa de assinatura e nem anuidade. E, além de ter cartão gratuito, o correntista vai participar de um clube de vantagens. Já temos 300 estabelecimentos cadastrados em nossa rede credenciada, que vai oferecer descontos em compras — disse ele.

David Portes colecionou ideias que lhe renderam alguns apelidos como “Executivo da Calçada”, “guru do marketing”, “encantador de clientes”, “empresário dos doces”. Tentar definir David é como tentar morder os próprios dentes. Mas ele pode ser considerado um dos mais destacados exemplos de superação. Hoje, milionário, ele não concorda que é uma exceção à regra. Acha que existem muitos Davids Portes dormindo sobre as marquises. O que eles precisam é acordar.

O homem que cursou até a sétima série é referência nas escolas de marketing e requisitado para palestras e seminários em todo o Brasil e no exterior. Seu público é formado por profissionais de vendas e executivos de grandes empresas como Unilever, Coca-Cola, Nestlé, entre outras. Se saiu de Campos com o equivalente hoje a R$ 12, uma palestra sua vale R$ 12 mil no mínimo. E cada uma delas dura exatos 60 minutos. R$ 12 mil por hora, se estiver disposto a falar o dia inteiro.

Diz que a chave do seu sucesso é “trabalhar duro, persistir e nunca desistir”. O homem, que no Rio de Janeiro chegou a ser despejado de um barraco na favela da Rocinha, hoje, mora em um dos metros quadrados mais caros do país. E não é com esse metro de solo nobre que se pode medir o sucesso deste milionário. No momento de maior adversidade ele viu uma oportunidade de negócio, como sempre conta em suas palestras.

Passou amargamente um ano vendendo doces no Rio até montar uma banca de rua e aí apostou em diferentes estratégias para atrair e fidelizar seus clientes. Entre as ações, estava a distribuição de brindes, serviço de delivery de doces e até um call center, como ele mesmo diz. “Na época, os celulares eram caros, então, eu usava 3 orelhões que ficavam perto da banca para receber os pedidos”, conta ele.

Um dos seus slogans mais famosos na época era “Já que doces causam cáries, fiz uma parceria com um consultório dentário. ‘A Banca do David suja, mas depois manda limpar’. Em certo momento, ao perceber que as vendas tinham caído, David criou uma ação de marketing totalmente diferente. Em parceria com um consultório dentário, passou a oferecer a seus clientes limpeza dental com flúor. O slogan era “A Banca do David suja, mas depois manda limpar”.

Ele também fazia coisas bem simples, como dar rosas para as clientes no Dia da Mulher, até ações maiores, como sortear viagens para Miami com acompanhante com tudo pago, através de uma parceria com uma companhia aérea. Eu aproveitava assuntos que estivessem sendo falados no momento, como quando teve um grande surto de dengue, em que fez uma campanha de conscientização.

— Tinham vários slogans. Quando passava um cliente sorrindo, tinha um sino na banca que eu balançava e dizia: “Com esse sorriso o sino fez dindon, e quando o sino faz dindon você ganha um bombom”. Ele chegava na sua empresa e fazia o marketing boca a boca, no dia seguinte passava um monte de gente rindo lá na frente da banca. Uma vez eu fiz uma promoção onde sorteava um final de semana para um hotel na montanha (região serrana do Rio) e para chamar atenção dos meus clientes na banca criei o slogan: “David não é Maomé, mas leva você até a montanha” — disse

Uma lição de vida — David Portes foi descoberto pelo empresário e professor, Sr. José Carlos Teixeira Moreira, do Instituto de Marketing Industrial no ano 2000. David recebeu o convite do Instituto para palestrar para um grupo composto pelos 180 maiores empresários do Brasil. Depois desta primeira palestra, seu nome ficou perpetuado no cenário empresarial.

Em suas palestras no Brasil e no exterior, David, utiliza-se do método chamado “Poder e Clareza”, para incentivar as pessoas a enfrentarem suas limitações pessoais e profissionais, mostrando que possível superá-las com atitude e perseverança.

A experiência de David Portes como ex- camelô, vendedor porta a porta, empreendedor serial, aliada à habilidade de comunicação simples e objetiva, somados a estudos aprofundados em técnicas e comportamento dos vendedores, transformaram a sua palestra motivacional em uma das mais requisitadas do Brasil. Indicado para equipes comerciais e gestores de venda!

Em 2003, lançou o seu primeiro livro: “David, Uma lição de Vida”, baseado na sua bibliografia. Reunindo histórias divertidas, compilando experiências em sua banca de doces. Já o segundo livro, foi lançado em 2015 , sob o título “ O Segredo do Sucesso”, reunindo 60 dicas valiosas para quem deseja alcançar êxito na profissão e nos negócios. Com uma linguagem simples e objetiva, o autor compartilha um conhecimento profundo sobre o atendimento humanizado e ações de marketing inovadora para atrair, fidelizar e encantar, gerando multiplicadores. David Portes comenta, “estou escrevendo um novo livro focado no conceito de ‘o monge e o executivo’, aplicando o conceito 3D (Diferente, Divertido e Dinâmico), onde brinco que o novo livro é uma alusão aos 4Ps escrito pelo Americano Philip Kotler”.

David é considerado um gênio do marketing mundial. Autodidata, jamais frequentou um cursinho ou uma faculdade. Aliás, só estudou até a 7ª série, mas suas estratégias são tão eficazes que o mundo empresarial já há muito tempo vem se rendendo ao carioca marketeiro. Faça como milhares de empresas, contrate David Portes para o seu evento!

“A venda tem que ser transparente. Quando o vendedor é bom, o cliente vai atrás dele, onde quer que ele esteja.”

“Por mais que o tempo estivesse ruim, ou que acontecesse algum problema, eu sempre tive fé no que eu fazia e sempre me dedicava muito.”