Marcelo Crivella e filho são condenados a pagar multa por crime de nepotismo

Cada um dos réus deverá pagar R$ 5 mil e a prefeitura 10 mil, segundo condenação

Estado do RJ
Por Redação
14 de julho de 2017 - 16h56
Reprodução

Reprodução

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella e seu filho, Marcelo Hodge Crivella foram condenados na tarde desta sexta-feira (14) pela vara de fazenda Público do município a pagarem uma multa por nepotismo.

A decisão foi proferida pela juíza Luciana Losada Lopes que definiu uma multa de R$ 5 mil para cada réu, já que considerou o ato do prefeito ter nomeado seu filho como secretário da Casa Civil.

A prefeitura do Rio também foi multada em um valor de R$ 10 mil. Antes da decisão desta sexta-feira, Marcelinho como é conhecido, já havia sido proibido pelo Supremo Tribunal Federal (STF) de utilizar qualquer bem público relativo ao cargo, mas a determinação não foi cumprida.

O Jornal Terceira Via entrou em contato com a assessoria do prefeito, mas até a publicação desta matéria nenhuma resposta sobre o caso foi enviada.